Auditoria Tributária: como ganhar competitividade

Segurança x Multas

Cada vez mais vemos notícias sobre operações realizadas pelo fisco, apenas no mês de maio já observamos 40 operações especiais realizadas. Tais operações cada vez mais se tornam constantes diante do cenário de recessão, podemos esperar uma dezena de outras operações para o decorrer desse ano.

O contribuinte cada vez mais vem sendo fiscalizado, e muitas vezes não consegue analisar a situação tributária da sua empresa antes da ação fiscal. Nesse cenário entra a figura da auditoria tributária, muitas empresas já vem utilizando essa ferramenta com a intenção de constatar as contingências antes da  fiscalização tributária.

Auditoria Tributária nas Obrigações Acessórias

Analisar as obrigações acessórias talvez atualmente seja a melhor forma de começarmos uma   auditoria tributária, pois o fisco possui um excelente sistema quando o assunto é cruzamento de informações fiscais que utiliza como premissa para o cruzamento dos dados informações das obrigações acessórias.

Atualmente já vemos diversas autuações fiscais com base no cruzamento das obrigações acessórias abaixo temos alguns dos cruzamentos:

– Faturamento Declarado x Receita do Cartão

– Entrada de dinheiro x Documentos Fiscais

A análise das obrigações acessórias tem como finalidade evitar o surgimento de autuações fiscais utilizando os dados das obrigações acessórias.

recuperação tributária

Auditoria Tributária na Obrigação Principal

A obrigação é principal quando o contribuinte tem por prestação o pagamento de tributo ou penalidade pecuniária. Muitas empresas por desconhecerem a legislação acabam pagando tributos a menor achando que esta tudo correto.

Outro fator importante é sobre fraudes, atualmente observamos diversas fraudes de gestores empresariais com a finalidade de esconder o pagamento dos impostos.

Risco Fiscal e Tributário

Com o uso da auditoria tributária conseguimos mensurar o risco fiscal e tributário do negócio, tal análise é muito importante para a tomada de decisões. Com a análise podemos definir quais créditos de ICMS, PIS e COFINS devemos tomar e quais os seus riscos se houver alguma ação fiscal.

Ainda sobre a análise a mesma fornece subsídios quando decidirmos implantarmos uma nova planta tecnológica ou uma nova central de distribuição, pois com a mesma podemos definir os riscos de utilizarmos benefícios fiscais que são alvo da guerra fiscal interferem em nosso negócio.

redução-de-icms

Revisão dos Cálculos dos Tributos

O trabalho de revisão fiscal analisa os tributos diretos e indiretos (Imposto sobre a Renda e Contribuição Social, ICMS, IPI, ISS etc.) a revisão fiscal tem como objetivo verificar se os processos de cálculos tributários estão em acordo com a legislação tributária vigente.

Em meus trabalhos de auditoria pude observar que muitas empresas acabam calculando seus impostos erroneamente, tal forma acaba acarretando sanções para a empresa.

Outra prática da revisão fiscal é a identificação de contingências tributárias e o estudo e a implantação de soluções tributárias com o objetivo de regularizar a operação de uma forma menos onerosa tributariamente.

Você concorda com a nossa visão?

Deixa seu comentário aqui embaixo com sua opinião!

Para mais informações sobre consultoria tributária, entre em contato!

Conheça agora nossos serviços de consultoria em impostos.