O que é Operador Nacional dos Estados- ONE?

O Operador Nacional dos Estados foi desenvolvido de maneira conjunta pela Procergs e pela Secretaria da Fazenda do Estado do Rio Grande do Sul especialmente para o encontro nacional dos coordenadores e administradores tributários, também conhecido como ENCAT.

Esse é um sistema moderno que reúne tecnologias que fazem a identificação de veículos que são utilizados nas estradas e rodovias do Brasil. Assim fica possível integrar documentos ficais eletrônicos com o projeto Brasil ID.

Logo de seu lançamento, ainda em 2015, o ONE já venceu o maior reconhecimento brasileiro na área de informática pública: o prêmio de excelência em governo eletrônico.

Mas afinal o que é o Operador Nacional dos Estados – ONE

O ONE nada mais é do que um sistema responsável pela geração da informação de passagem em diversos documentos fiscais eletrônicos, tais como Notas Fiscais eletrônicas, no conhecimento de transportes e também no manifesto de carga. O funcionamento do sistema é bem simples, veja um exemplo:

Imagine um caminhão de transporte de carga que recebe uma determinada mercadoria. Ele recebe então uma etiqueta que opera por radiofrequência que é facilmente identificada por antenas.

Dessa forma, quando o caminhão está em deslocamento pela estrada e passa por uma dessas antenas de captação, o registro da placa do veículo é captada e transmitida para o ONE, identificando a passagem do caminhão em determinado local.

O ONE, por sua vez, gera a informação nos devidos documentos fiscais e encaminha para os postos de fiscalização todos os dados referentes ao que está passando naquele veículo.

Isso permite ao posto de fiscalização realizar toda a análise e a avaliação dos documentos, gerando os alertas necessários para a devida fiscalização.

De uma forma bem básica, o sistema ONE atua como um grande concentrador de leituras e registros de passagem. Assim, ele faz o roteamento de cada uma dessas passagens e disponibiliza essas informações para diversos órgãos competentes.

Qual a vantagem disso? A primeira delas é a redução significativa do tempo que o caminhão tem que ficar parado nas barreiras para fazer a fiscalização. Nesse tempo parado, o produto está gerando custo visto que o caminhão e o motorista estão parados, com o tempo contando. Isso pode gerar, inclusive, problemas com a justiça do trabalho.

Sendo assim, com o uso dessa nova tecnologia, esses problemas poderão ser minimizados e será possível realizar um grande avanço nessa área tendo como uma de suas grandes vantagens o ganho na produtividade que interfere diretamente no preço repassado ao consumidor.

A aplicação de toda essa tecnologia e dessas ações visam um trabalho mais assertivo e mais seletivo na escolha do caminhão e do contribuinte a serem fiscalizados.

Isso, sem a menor dúvida, permite uma série de ganhos para todos os envolvidos nessa cadeia de consumo, visto que melhor a produtividade, reduz tempos e diminui custos.

Só para que se possa ter uma ideia, hoje em dia no Brasil, o custo da logística fica entre 16% a 18% enquanto na maioria dos demais países esse custo gira em torno de apenas 6%.

Então, com essas novas ferramentas será possível baixar os custos de logística significativamente, tornando o Brasil, com o passar dos anos, um pais competitivo, alcançando a marca de 6% como os demais países.

O fato é que em bem pouco tempo a tecnologia de radiofrequência já agregou bastante valor ao processo de fiscalização do transporte rodoviário.

Além disso, o Operador Nacional dos Estados vem facilitando consideravelmente essa fiscalização, tornando todo o processo muito mais rápido, ágil e preciso.

Pronto! Agora você já sabe o que é Operador Nacional dos Estados e como ele está agregando positivamente para o processo de fiscalização no nosso país.

Como contratar uma empresa de Consultoria tributária?

Contratar uma empresa idônea que faça um serviço de consultoria tributária é a parte mais importante do processo para o empresário, nos últimos anos temos observado uma séria de picaretas com soluções milagrosas e sabemos que tais soluções não passam de mentiras. A melhor forma de contratação é saber mais sobre a marca, expertise dos sócios e os trabalhos já feito pela empresa de consultoria tributária.

Se você percebe que o processo de consultoria tributária pode agregar a sua empresa, mas gostaria de trocar uma idéia sobre como fazê-lo, pode entrar em contato com a gente através da nossa página de consultoria.

Você concorda com a nossa visão?

Deixa seu comentário aqui embaixo com sua opinião!

Quer saber mais sobre nossa consultoria tributária?

Conheça agora nossos serviços de consultoria em impostos.